DBZKAI no Brasil: entenda a novela!

Vamos entender a novela Dragon Ball Kai no Brasil??

Tudo começou quando a Toei Animation, responsável pela franquia animada no Japão, depois de consultar vários estúdios brasileiros, escolheu o estúdio BKS para ser responsável pela versão brasileira de DBZKAI. A BKS prometeu que manteria o elenco original, usado na versão dublada pela Álamo, o que tranquilizou um pouco os fãs, que já estavam insatisfeitos com o estúdio escolhido pela Toei, já que a BKS foi responsável por péssimos trabalhos de dublagem, com escolha de vozes muitas vezes infelizes, como seu trabalho no desenho Sailor Moon.

Tal fator de insatisfação entre os fãs da série fez com que a Toei Animation reavaliasse qual estúdio escolheria para trabalhar na versão brasileira e, depois de solicitar orçamentos de vários outros estúdios, a Toei realmente decidiu que a BKS dublaria a versão Kai. A princípio a confirmação da notícia que a BKS dublaria o Kai desagradou grande parte dos fãs e além disso, muito já estava se falando sobre a possibilidade de algumas vozes sofrerem alterações, já que vários profissionais não estariam mais prestando serviços para o estúdio.

Passados alguns dias, com a dublagem de Dragon Ball Z Kai prestes a começar, a Toei Animation mudou de idéia quanto ao título ocidental da versão Kai de DBZ e, segundo o site Henshin, a série se chamará Dragon Ball Kai, com o mesmo nome que é apresentada no Japão.

Bem, até aqui a novela tratava-se apenas sobre a escolha da Toei no estúdio para dublar DBKAI. Entretanto, a novela se complicou quando alguns dubladores começaram a negar o papel na dublagem de Kai. Wendel Bezerra, a eterna voz de Goku, foi o primeiro. Na madrugada de 09 de setembro ele revelou através de seu perfil no Twitter: “Refleti bastante por alguns dias e todos os motivos me levaram a decidir por não dublar lá. Tá na mão do cliente”. Já Tania Gaidarji (Bulma) e Raquel Marinho (Chichi) estão confirmadas e repetirão seus papéis na série.

Depois do choque da notícia que Wendel Bezerra não repetiria o papel de Goku na dublagem de Kai, o site Henshin da JBC (cuja equipe é a responsável pela tradução do anime) falou com o próprio Wendel e com Wellington Lima, uma outra voz eterna, que dubla Raditz e Majin Boo, e Wellington também revelou que não iria participar da série. O site também ouviu a BKS.

Wendel disse à Henshin:

“Eu estou muito triste e chateado com tudo o que está acontecendo. Eu sou fã de Dragon Ball e adoro dublar o Goku, mas não posso colocar tudo isso acima de valores morais e convicções profissionais em que acredito e que aprendi desde criança. Eles chegaram a me passar a escala para dublar o Goku e eu tinha aceitado. Mas depois pensei muito e achei que não podia fazer isso com ninguém. Aí, liguei para a BKS e disse que não iria fazer mais e que se quisessem passar o personagem para outra pessoa, ou abrir teste não teria problema. Se fosse uma série nova, certamente eles não me chamariam. E quem não me prestigia, eu não sinto vontade de prestigiar. Eu gostaria muito de voltar a fazer o Goku, mas em qualquer outro estúdio.”


Já Wellington declarou:

“Não é que eu não queira dublar a série. Eu não dublo na BKS porque é uma casa que decidiu excluir os dubladores de outros trabalhos. Eles só nos chamam quando têm uma série feita e precisam do elenco.”

A BKS se posicionou através de Ricardo Teles, supervisor de dublagem da empresa,: “Sabemos que o Wendel e o Wellington atuam como diretores de dublagem na Álamo, por isso decidimos até estender nosso horário de trabalho, que se encerra as 18h30, até as 22h para que os dois pudessem vir dublar aqui”.

Além de Wendel e Wellingon, circulava a informação de que Alfredo Rollo (Vegeta), Melissa Garcia (Videl), Vagner Fagundes (Gohan jovem), Luiz Antonio Lobue (Picollo), Carlos Campanile (Freeza) e Gileno Santoro (Mestre Kame) ainda não teriam aceito participar da dublagem – sendo que alguns sequer foram convocados. Angélica Santos (Oolong) declarou em seu Twitter que também estaria fora, assim como Alexandre Marconato (Teshinhan). Apesar do que estava sendo comentado pela internet, não estaca havendo um “boicote” por parte do elenco original da série; o que estava acontecendo é que muitos dos dubladores tinham problemas pessoais e/ou profissionais com o estúdio, impedindo-os de aceitar trabalhar novamente com a BKS.

Já no dia 14/09 os fãs de Dragon Ball finalmente tiveram uma notícia mais agradável. O dublador de Goku, Wendel Bezerra revelou em seu Twitter que voltaria a emprestar sua voz ao saiyajin mais querido do universo: “Para surpresa de alguns, felicidade de outros e azar de poucos… Fui procurado pela BKS, tivemos uma longa conversa e vou dublar DBK!“.

Até o momento, somente Tania Gaidarji (Bulma), Raquel Marinho (Chi Chi) e Fátima Noya (Gohan criança) haviam confirmado sua presença no casting da versão remasterizada da série,  e no decorrer dos dias assistimos a uma reviravolta, quando Wendell Bezerra (Goku adulto) confirmou sua presença no elenco via Twitter. Logo, Fábio Lucindo (Kulilin) também divulgou que estaria dentro e logo depois, Wellignton Lima (Raditz e Majin Boo) também divulgou na rede de microblogs que, em respeito aos fãs (que entupiram Orkut, Facebook e Twitter com pedidos para que ele reconsiderasse sua decisão de não dublar na BKS), ele tinha decidido participar dos trabalhos envolvendo a  nova versão da série. Mas mesmo com a confirmação de alguns dos dubladores fundamentais, ainda não se tinha confirmação das grandes vozes de Luiz Antonio Lobue (Piccolo), de Alfredo Rollo (Vegeta) e de Alexandre Marconato (Tenshinhan).

No dia 17 de setembro, no meio de toda a discussão sobre a dublagem de Dragon Ball Kai, nossos amigos do JBox conversaram com Ricardo Teles, o coordenador de dublagem da BKS. Ele os recebeu no estúdio e falou um pouco sobre a nova versão brasileira da saga. Confiram abaixo a entrevista exclusiva:

E quando os fãs já estavam se acalmando com as confirmações do elenco original só aumentando, uma péssima notícia surge: Vegeta, Piccolo, Gohan adulto e Yajirobe teriam novas vozes! Alfredo Rollo, Luiz Antonio Lobue e Vagner Fagundes não quiseram encarnar mais seus personagens. Com tal decisão a BKS partiu em busca de novos dubladores para substituir as insubstituíveis vozes de Rollo, Lobue e Fagundes.

Depois de um tempo, a BKS definiu que Vagner Santos substituiria Luiz Antonio Lobue no papel de Piccolo e Dado Monteiro entraria no lugar de Alfredo Rollo, dando voz ao príncipe dos saiyajins, Vegeta.

Dado, a nova voz de Vegeta,  já dublou alguns personagens de animes, como o Ogami de Sakura Wars, o Spika em Cavaleiros do Zodíaco, o  Inoichi Yamanaka de Naruto e o Setoyama em Ryukendo, mas seu trabalho mais famoso é o cão Clifford na série de desenhos animados Clifford: O Gigante Cão Vermelho da Discovery Kids. Já Vagner Santos, que dublará Piccolo, é um dublador que não se consegue achar alguma informação na internet referente a seus trabalhos.

 

 

Até agora, esta é a novela. Problemas entre os dubladores originais essenciais à história e o estúdio BKS. O que podemos ter certeza é que assistir DBKAI sem as vozes de Alfredo Rollo, Luiz Antonio Lobue e Vagner Fagundes não será a mesma coisa…

 

Adaptado das notícias divulgadas pelo JBox.com

5 Respostas para “DBZKAI no Brasil: entenda a novela!

  1. A situação das dublagens em Portugal também não foi bem gerida e muitos insatisfeitos (eu provavelmente seria o “mestre” dos mestres da insatisfação), de tal forma que também sofreram algumas mudanças. O mais incrível, o mais ridículo personagem que foi dublado aqui em Portugal foi Vegeta, como todos sabemos tem um carácter vincado de feitio difícil e muito orgulhoso, pois é, dublado com voz de…gay menina… felizmente, embora muito tarde, foi substituída, de tal forma que quando houve mudança, a personagem disse “Com os nervos até mudei de voz…” (claro, n constava no guião…) enfim…

  2. Essa histórinha de DBK já me encheu a paciencia, foi muita ladainha por nada.
    Ao meu ver teve muito jogo de interesse nessa pagaça.
    Não tiro a razão daqueles que desistiram creio que tenham seus motivos e respeito, e como fã até apoio.
    O que ao meu ver matou foi o papel ridículo do Wendel Bezerra e daqueles que o seguiram, q fizeram uma confusão provocando os fãs e no final com uma conversa aparada se resolve.
    Eu simplesmente como um grande fã de DB que acompanha a serie com afinco durante anos, lavo minhas mão sobre esse assunto. Vou ver no que da e se não me agradar simplesmente só espero que os dvds tenham áudio original e que se a Playarte bota a mão nele que faça um trabalho mais decente do que os dvds de DB.

  3. Eu fiquei muito triste quando o Wendel recusou o papel. Ele encarnou Goku de corpo e alma e o Kai sem ele nao seria Drgaonball.

    Nao achei ridiculo papel do Wendel, achei que ele fez a coisa certa, mas deveria ter feito antes. Se ele tinha problema com o estudio, deveria ter resolvido isso o quanto antes, para nao causar tensao entre os fãs… Mas gostei de ele voltar ao papel, nao por ele, mas pelos fãs.

    Ele tinha problemas com o estudio, tudo bem, mas defendeu sua posiçao e só vai dublar por nossa causa, pelo respeito e admiraçao pelo Goku e pela mundaiada de fãs. Ele mesmo comentou no twitter “Se acha que dinheiro resolve tudo, sinto muito pelo seu espírito pobre”. Ele nao está atras de dinheiro, ele vai fazer o papel pelo mundo DB brasileiro.

    Pelo menos com o Wendel entrando ele puxou o resto que, mesmo que nao sejam o cabeça da história, farão ela melhor e lembrando mais o original.

    Playarte é outra historia. Num espero nada deles nao. To de boa em ficar com os episodios só no pc. Comprar dvd de qualidade ruim com 3 episodios/dvd num compensa nunca

  4. Pingback: Só Dragon Ball - Dragon Ball Kai no Brasil: A novela·

  5. É uma pena que isso tenha acontecido. Com Cavaleiros do Zodíaco foi a mesma coisa, na continuação da saga de Hades dubladores de suma importância também saíram do elenco. Entre eles o Luiz Antonio Lobue que dublava o Aioria de Leão, Marcelo Campos do Mu e Welington Lima do Dohko de Libra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s